Press "Enter" to skip to content

O que você precisa saber para formar uma boa equipe médica.

Isakc Moura 0

Não existe possibilidade de ter uma clínica ou consultório médico de saúde de sucesso sem uma boa equipe médica e outros colaboradores.

Afinal, trata-se de um empreendimento onde – mais que uma relação de médico e paciente – pessoas lidam com pessoas. E é vital que essa relação seja positiva, onde os pacientes sejam tratados bem e ajudados de verdade com suas dores e doenças.

Enfim, é necessário que a equipe médica de um estabelecimento de saúde, como uma clínica, consultório, hospital ou unidade de atendimento esteja bem preparada.

Uma equipe que conte com profissionais com boa formação, responsáveis e competentes em suas áreas de atuação na medicina.

E que possam lidar com situações e casos delicados, cada qual em seu campo de especialização, tornando assim o hospital ou clínica médica, um local de referência.

É de suma importância ter bons médicos que consigam, segundo suas especialidades, tratar casos complicados ou impossíveis para outros doutores de estabelecimentos concorrentes.

Mas mesmo tudo isso não é o suficiente.

Bom, ao menos não para se ter – de fato – uma boa equipe médica operando em seu estabelecimento de saúde.

Existem fatores, bem como procedimentos, políticas e características que devem estar presentes em uma equipe para que ela funcione bem, e que sua empresa tenha um ambiente de trabalho possa fluir adequadamente de acordo com as demandas que o negócio requer.

Por isso, resolvemos destinar esse conteúdo para o tema.

Nas próximas linhas, vamos mostrar o que uma boa equipe médica é, como ela funciona e como é possível formar uma equipe realmente competente.

Essa é uma questão fundamental para que um empreendimento na área da saúde, que lide com atendimento, possa prosperar e conquistar seu espaço no mercado.

Então, se deseja saber como formar um time médico praticamente imbatível em termos de qualidade, continue lendo este artigo com muita atenção.

O que caracteriza uma equipe médica eficaz: descubra se a sua está longe ou perto desse ponto agora

Antes de começar a saber como formar uma boa equipe médica para o seu estabelecimento de saúde, é preciso entender o que de fato é uma boa equipe.

De cara, já é bom estabelecermos que uma equipe de qualidade não se fará apenas com os médicos contratados para o local.

Certamente que ter bons profissionais no plantão médico será importantíssimo para aumentar a qualidade do atendimento e diagnóstico dos pacientes. Porém, um hospital, clínica ou consultório eficientes e a nível de excelência não se faz apenas com bons médicos.

Afinal, existem outros componentes e setores que formam o ambiente médico desse estabelecimento.

São necessários os enfermeiros e técnicos da ala de enfermagem, membros da equipe de resgate e auxiliares de intervenções médicas, como as cirurgias (quando o estabelecimento faz esse tipo de tratamento), para citar alguns exemplos.

E aí que entram os membros do corpo médico, como clínicos gerais, pediatras, cirurgiões, psicólogos, entre outros.

Visto isso, também é preciso lembrar como um hospital ou clínica que conta com boa equipe médica operam.

Esses estabelecimentos conseguem proporcionar um atendimento rápido para os seus pacientes, além de atendê-los sem abrir mão da qualidade e devido cuidado que o paciente espera e merece.

Além desse atendimento por parte dos médicos, os demais membros da equipe esforçam-se em demonstrar empatia com o paciente.

O atendimento é humanizado e a impressão transmitida aos pacientes é de que ele está seguro e que a preservação – ou restabelecimento – da sua saúde está sendo valorizada.

Essas são algumas características que definem uma boa equipe médica.

Agora, vamos ver como é possível e o que deve ser feito para formar uma equipe médica eficiente e que agrade os clientes do seu estabelecimento de saúde.

Comece estabelecendo metas claras e realistas para a sua equipe médica

Isto pode até não ser do conhecimento de um profissional de saúde que está montando sua clínica ou consultório médico…

Mas certamente é algo que nenhum administrador de empresas, dono de negócio experiente, negligencia ao gerir uma empresa…

Que é traçar um bom plano de metas para a operação do seu negócio.

Ou seja, números. métricas específicas, taxas percentuais ou mesmo prêmios conferidos por desempenho ou votação que apontem para o sucesso do negócio.

Elas podem ser traçadas tanto para o período da empresa ao longo de uma gestão, como para intervalos de tempo menores, como ano a ano, entre semestres, trimestres, etc…

Alguns exemplos de metas neste sentido podem ser:

“Faturar 1,5 milhões com a empresa em ano X…”

“Duplicar/triplicar o número de lojas/representantes de venda dentro dos próximos 7 anos de operação da empresa…”

“Aumentar a margem de lucro para 37% nos próximos dois anos…”

“Ser a empresa Nº1 em vendas, faturamento e valor de mercado no seu setor em até 10 anos…”

Essas são as chamadas metas financeiras e de desempenho que uma empresa, seja qual for o seu setor, pode estabelecer para si. E então, trabalhar para alcançar estas metas.

Obviamente que existem metas de desempenho e qualidade que não estão relacionados ao faturamento financeiro e o lucro da empresa. Que são as metas de desempenho vinculadas a qualidade de atendimento e performance da equipe colaboradora dentro do negócio.

Alguns exemplos de metas vinculadas a equipe podem ser:

“Ser reconhecido pelos consumidores/clientes do mercado como a melhor empresa em atendimento no setor daqui a 5 anos…”

“Ter o menor índice de reclamações por parte dos clientes dentro do estado em 2 anos…”

“Possuir o status de melhor empresa para se trabalhar, concedido por (…) no próximo ano…”

Pois é, as metas são algo que todo hospital, clínica ou consultório precisa estabelecer para formar uma boa equipe médica.

Reúna os funcionários que fazem parte da equipe médica do seu negócio e trace metas a serem alcançadas por vocês ao longo de um certo tempo.

É interessante começar com uma meta pequena e cujo tempo seja curto, no entanto razoável para alcançar tal objetivo.

A meta pode ser melhorar a velocidade de atendimento aos pacientes, o seu nível de satisfação, etc…

Porém, precisa ser algo que sua equipe possa ver como algo atingível no prazo e se sentir motivada por isso.

Não monte apenas uma equipe médica, faça com que eles se vejam como um time que salva vidas

Alguns administradores, gerentes de negócio e outras posições com poder de eleição e formação de equipe cometem um erro básico.

Que é basear a formação dessa equipe observando apenas quais os melhores nomes para cada setor de que precisa, com um sério esforço para contratar esses nomes e, a partir daí, ter uma “equipe” formada.

O que, a princípio, parece ótimo, o ideal. Afinal, quem não gostaria de olhar para os funcionários dos cargos-chave da sua empresa e ver um “Time dos Sonhos”?

Só que existe o risco – que é até mesmo alto – dessa ideia não emplacar na prática, e a equipe formada pela nata do setor não trabalhar bem.

O que é péssimo em todo e qualquer negócio, mais ainda para um hospital ou clínica quando isso acontece com a equipe médica.

Nem sempre as referências de cada área estão mais a fim de trabalhar em equipe do que trabalhar seu nome individualmente dentro do estabelecimento de saúde.

Assim, é possível que aconteça problemas que atrapalhem o trabalho e o atendimento aos pacientes.

Algo que pode chegar a ser fatal.

Portanto, é necessário que o responsável pelas contratações de profissionais para equipe médica atente-se mais à forma como os contratados lidam com trabalho em equipe.

É necessário que eles gostem da ideia de fazerem parte de um time médico que, unido, salva muitas vidas e é sinônimo de eficiência e qualidade.

Agora, se a equipe médica já foi contratada e eles não estão se dando bem, investir em treinamentos e workshops que visam promover esse espírito de trabalho em grupo é uma boa saída.

Em todo o caso, é importante trabalhar para que os funcionários do corpo médico atuem sempre em um sentido.

O de reaver a saúde dos pacientes do estabelecimento e a recuperação do bem-estar de cada um deles.

Mantenha as condições de trabalho sempre em um nível adequado

Vamos combinar uma coisa, desempenhar o ofício em lugares com poucas condições favoráveis de trabalho não é nada animador.

E mesmo que os funcionários, membros da equipe de uma empresa, loja ou clínica médica sejam motivados, condições ruins de trabalho vão minar essa motivação.

Materiais e demais equipamentos médicos devem ser ofertados em quantidade suficiente para os profissionais da equipe, segundo suas necessidades.

A qualidade desses materiais e equipamentos têm de estar na mesma proporção da quantidade, pois nada vale equipamentos em abundância com utilidade baixa.

Os cuidados com conforto e posição dos membros da equipe médica devem ser pensados igual. Na hora de escolher assentos para os profissionais que irão atender na equipe, procure adquirir sempre os mais confortáveis possível.

Além disso, também é legal providenciar refeições de qualidade para sua equipe médica, e colaboradores no todo, durante os intervalos e parada para almoço.

Não esqueça também de prestar a devida atenção na higiene do seu hospital ou clínica.

Pois ninguém gosta de trabalhar em um local sujo e mal-organizado, não é mesmo?

Ao tomar essas medidas, você estará garantindo as condições básicas para que a equipe possa trabalhar de modo adequado e eficaz.

Atualize sua equipe para manter a motivação deles em relação à clínica

A falta de informações recorrentes quanto ao desempenho que está exercendo no trabalho desmotiva qualquer funcionário a dar o seu melhor.

Afinal, eles estão ocupados com suas tarefas na clínica, e nem sempre poderão ter meios para checarem seu desempenho por conta própria.

E assim, não tem como saber se eles estão se saindo bem e cumprindo suas metas, ou se necessitam melhorar algo em relação à sua performance no trabalho.

Portanto, é importante que você, na condição de dono ou gestor da clínica, aproxime-se da sua equipe e dê um feedback sobre seu desempenho periodicamente.

Não se preocupe se tiver de falar sobre um desempenho aquém do esperado, o importante é mantê-los informados a respeito do seu trabalho.

Agora, cuidado com a forma como você dará esse feedback, pois usando palavras de forma incorreta existe um alto risco do resultado sair o oposto do esperado.

Estimule a meritocracia e comemore as melhoras da sua equipe médica, mesmo que os resultados sejam pequenos

Em meio às perseguições de metas na clínica, agendas, fluxos de trabalho e desempenhos pessoal e coletivos da equipe, guarde sempre um espaço para por a meritocracia em atuação.

Existe ainda muita discussão a respeito da existência ou não desse conceito, e de sua viabilidade prática.

No entanto, todo bom empreendedor, gestor de um negócio, sabe que para que o sucesso da sua empresa seja duradouro, é preciso sim premiar aqueles que se esforçam mais e agregam mais valor ao empreendimento.

Em uma clínica médica não é diferente, e é necessário reconhecer o esforço daqueles membros da equipe médica que se dedicam mais. E que também geram maiores e melhores resultados, assim como avaliações positivas dos pacientes.

Outra coisa muito importante, para finalizar nossas dicas para formar uma equipe de qualidade, é comemorar cada avanço da equipe.

Seja esse avanço um prêmio de reconhecimento, um melhor desempenho, uma meta de atendimento de pacientes alcançada…

Enfim, sempre dê o real valor para cada objetivo ou sucesso conquistado por sua equipe médica e veja como, com o passar do tempo, sua equipe se tornará um time imbatível.

Eles terão um amor verdadeiro pela sua clínica e serão mais empenhados em se tornar referência no setor.

Você já sabe como formar um time de alto desempenho, agora, conheça também como ter um atendimento de excelência em sua clínica

Há poucos dias lançamos um conteúdo muito completo e totalmente exclusivo.

Nele, mostramos 6 dicas incrivelmente poderosas e práticas para melhorar o atendimento da sua clínica médica.

Recomendamos muito que – agora que aprendeu como formar uma equipe de qualidade – leia esse conteúdo e transmita essas dicas para sua equipe.

Eles vão agradecer, e muito.

➥ Ler as 6 dicas de atendimento ao cliente para impulsionar sua clínica

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *